O Rappa - Doutor, Sim Senhor!

Doutor, sim senhor doutor

Doutor, senhor, doutor, senhor
Doutor, senhor, doutor senhor, doutor, doutor, doutor

Criaturas tão visíveis no cenário urbano
Situação estatua no cotidiano
O ar quente desespera quem esta la fora
O ar frio perdulario dentro, dentro
Imagem que passam fora da vitrine
Diz que não tem lugar ou assento
Imagem que passam fora da vitrine
Diz que não tem lugar ou assento
Acessorista, trocador, porteiro
Porteiro de apoio, o motorista, lixeiro
Personagem do mesmo desterro


Pra quem não sabe ler
Letreiro é só, somente um desenho

A limpeza é necessária mas é invisível
Brigação de maquina ressão possível
Alguma peças vão sobrando, ficando no caminho
Computador, frutas, jornal, resto de míssil, novinho
Resto de míssil novinho

Invisíveis criaturas, humildes, desumanos
Olhares e receios sob o chão no plano
São pessoas que não vem por quem
São pessoas amigas é de quando precisamos

Lyrics licensed by LyricFind